Início Investimentos Renda Fixa Debêntures: renda fixa com alta rentabilidade

Debêntures: renda fixa com alta rentabilidade

É hora de aprender mais sobre debêntures, uma forma de investimento em renda fixa com algumas diferenças. Se você está procurando por alta rentabilidade em pouco tempo estas podem ser do seu interesse.

Portanto, saiba mais sobre o assunto e aumente seus investimentos com este que pode trazer muito mais lucro para a sua carteira. Basta acompanhar o texto a seguir.

O que são debêntures?

Você já sabe que com o Tesouro Direto você empresta dinheiro para o governo e que com o CDB você empresta dinheiro para bancos. Mas com as debêntures, para quem eu empresto o meu dinheiro? A resposta é simples: neste investimento você empresta para empresas privadas.

Por isso, ao realizar um investimento em debêntures você está emprestando dinheiro para uma empresa. Esta irá usar o valor para suas atividades durante um período pré estabelecido e depois te devolver o montante com juros.

O investimento inicial pode ser feito com cerca de R $1000,00 e os prazos para se retirar do dinheiro tendem a ser mais longos. Sendo assim, se tiver interesse nestas já comece a se planejar.

É possível comprar debêntures no mercado primário, ou seja, por meio de corretoras adquirindo direto da empresa. Por outro lado, pode-se escolher comprar pelo mercado secundário, isto é, obtendo estas de alguém que as havia comprado anteriormente.

Caso você precise do dinheiro que está investido em uma debênture e o vencimento esteja em uma data distante você pode vender esta no mercado secundário. Porém pode haver alguma desvalorização.

Como se calcula os rendimentos?

Cada empresa pode definir uma rentabilidade diferente para as debêntures que emite. No geral, este modelo de investimento tem seus rendimentos atrelados ao IPCA e a uma taxa. 

O índice do IPCA é a inflação do Brasil. Sendo assim, na prática seu dinheiro irá render o valor na inflação mais a taxa. Esta pode ser de 4% ao ano, 5% ano ou outros valores próximos.

Os pagamentos podem ser feitos todo semestre. Portanto, a cada seis meses a empresa irá depositar na sua conta apenas os seus rendimentos naquele período, mantendo o investimento inicial consigo.

Vantagens e Desvantagens

Apesar das debêntures serem um investimento em renda fixa, estas representam um risco maior. Não há cobertura do Fundo Garantidor de Crédito (FGC). Isso significa que caso a empresa declare falência enquanto está com o seu dinheiro você não terá o valor de volta.

Por isso, antes de comprar debêntures procure por empresas com nome consolidado no mercado. É possível checar o “rating”, esta é uma nota atribuída a entidades que emitem debêntures avaliando sua confiabilidade. Sendo assim, uma empresa é confiável quanto mais próximo do “A”. 

Por outro lado existe a vantagem destes investimentos renderem mais do que outras formas de renda fixa já conhecidas. O Tesouro Direto e vários CDBs de bancos tradicionais são exemplos.

Por fim, uma das maiores vantagens são as debêntures incentivadas. Estas são isentas do imposto de renda. Sendo assim, os seus rendimentos irão estar acima da inflação, com a soma da taxa fixada e livre de imposto. 

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui