Connect with us

Sem categoria

PGPAF: Programa de Garantia de Preços para a Agricultura Familiar

Publicado

on

A lista do mês de agosto dos produtos com direito a bônus do Programa de Garantia de Preços para a Agricultura Familiar (PGPAF) está disponível, de acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

PGPAF: Programa de Garantia de Preços para a Agricultura Familiar

Já pode ser acessada a lista do mês de agosto com todos os produtos com bônus do Programa de Garantia de Preços para a Agricultura Familiar (PGPAF)  que foi publicada no Diário Oficial da União, no dia 05 de agosto de 2022.

O feijão-caupi foi o produto que mais recebeu bônus. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) explica que os preços de mercado e os bônus de desconto têm validade para o período de 10 de agosto a 9 de setembro de 2022. 

Informações sobre descontos nas parcelas do crédito rural

O objetivo da Portaria é informar aos agentes financeiros, operadores do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), os produtos que têm direito e o percentual dos bônus de desconto a ser concedido nas operações e parcelas de crédito rural.

publicidade

Sobre os produtos

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o abacaxi (Sergipe) e o maracujá (Bahia) não tiveram bônus de desconto no mês passado, mas passarão a receber o bônus em agosto. Já o açaí (Acre), banana (Ceará, Paraíba e Pernambuco), borracha natural (Bahia e Maranhão), cacau (Amazonas, Pará, Rondônia, Bahia e Espírito Santo), castanha de caju (Piauí), feijão caupi (Tocantins, Maranhão e Mato Grosso) e laranja (Rio Grande do Sul, Pará e Bahia) continuam recebendo o bônus, segundo o documento.

Depois do feijão caupi no Mato Grosso, que recebeu o maior bônus de 39,14%, a laranja no Pará vem na segunda posição na lista com 39,04%, seguida do feijão caupi no Maranhão, com 36,05%, informa o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Bônus nas parcelas para os produtores

Os produtores recebem o bônus quando os preços no mercado estiverem abaixo do preço de garantia do programa, ressalta o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). 

Pronaf, Conab e Mapa: cálculo do bônus

Eles podem usar o bônus para descontar nas parcelas de financiamento do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), ligada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), é o órgão responsável pela realização do cálculo do bônus, destaca a recente divulgação oficial. Essas ações que amparam o produtor rural impacta positivamente o setor do agronegócio e, por conseguinte, a economia.

publicidade
publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Generated by Feedzy