Connect with us

Economia

Pandemia reduz tempo que os brasileiros passam no trânsito

Publicado

on

Os brasileiros estão passando menos tempo no trânsito. Isso até poderia ser uma boa notícia, caso se referisse à melhora das avenidas e rodovias do país, ou mesmo da sinalização. No entanto, a redução do tempo no engarrafamento aconteceu devido à pandemia da covid-19, que limitou a circulação de pessoas no Brasil.

De acordo com uma pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em parceria com o Sebrae, o tempo médio dos brasileiros no trânsito caiu 19% em relação ao levantamento de 2017.

Em resumo, os brasileiros passaram cerca de 120 minutos no trânsito nos últimos 12 meses, ou duas horas. Em 2017, o tempo médio foi de 147,9 minutos, quase duas horas e meia.

Essa redução aconteceu devido à crise sanitária, que fez diversas empresas passarem a adotar o modelo híbrido de trabalho. Como o distanciamento social foi incentivado nos últimos anos para reduzir a disseminação do vírus, muita gente passou a trabalhar em casa. E isso refletiu diretamente nos engarrafamentos do país.

publicidade

Leia também: Setor de serviços cresce em abril e transporte de passageiros se destaca

42% brasileiros já sofreram para conseguir emprego devido à distância

A pesquisa também revelou que 42% dos usuários de transporte público enfrentaram desafios para conseguir um emprego devido à distância entre a residência e o local de trabalho. Em suma, o alto número de conduções necessárias para chegar ao emprego dificultou a vida de vários trabalhadores.

Além disso, o levantamento ainda mostrou que 56% dos entrevistados que utilizam meios de transporte públicos pegam duas conduções para chegar ao destino. Outros 23% sofrem ainda mais, pegando três ou mais conduções.

A espera pelo transporte público também não agrada. A saber, os usuários esperam, em média, 23,7 minutos no ponto de ônibus ou na estação de trem e metrô. Aliás, 40% esperam de 15 a 30 minutos para conseguir pegar uma condução.

Os brasileiros que residem nas capitais do país passam cerca de duas horas por dia no trânsito. Essa demora se refere à idas a trabalho, escola, faculdade ou para fazer compras. Isso corresponde a 21 dias por ano, ou seja, o brasileiro passa três semanas preso no trânsito.

publicidade

Por fim, a pesquisa também revelou que 80% dos usuários de transporte público afirmaram que é comum deixar de fazer alguma atividade devido às dificuldades de locomoção. O que eles mais deixam de fazer é lazer (44%), seguido por compras (25%), trabalho (23%) e atendimentos de saúde (23%).

Leia também: Copom afirma que deverá elevar novamente os juros no país em agosto

O post Pandemia reduz tempo que os brasileiros passam no trânsito apareceu primeiro em Brasil123.

publicidade
publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.