Confira principais regras para declarar ativos da Bolsa de Valores no IR

A obrigação de declaração do IR é uma realidade constante para qualquer brasileiro que lucrou com negócios na Bolsa de Valores. Assim, se você quiser fazer um investimento nesse cenário, provavelmente terá que passar por esse procedimento. Por isso que hoje, nós informaremos as principais regras para declarar ativos da Bolsa de Valores no IR.

Entender como relatar ativos da Bolsa de Valores no IR para a Receita Federal é fundamental para evitar problemas, bem como, ajudará evitar multas adicionais ou pagamentos de impostos que possam ocorrer ao longo do ano.

Para te ajudar a relatar suas atividades na Bolsa de forma correta e sem muita dor de cabeça, compilamos os dados e orientações mais importantes.

Ao declarar seus impostos, como você contabiliza as transações em dinheiro?

Vamos direto ao ponto para garantir que tudo esteja claro e descomplicado. Dividimos, em uma série de etapas fáceis de seguir, tudo o que você precisa fazer para relatar esses ganhos. Vale a pena notar que estamos discutindo apenas o relatório das ações que você possuía em 31 de dezembro do ano de 2022, e não quaisquer dividendos ou juros que você ganhou sobre seu capital investido durante esse período.

Você Também pode gostar:

Para tanto, é preciso seguir os seguintes passos:

Prossiga para a guia “Bens e Direitos”, para declarar as ações que você tem na carteira uma a uma;
Clique no “Grupo 3 – Participações societárias”;
Marque o “Código 01 – Ações” incluindo também aquelas existentes na Bolsa de Valores”;
Coloque o número do CNPJ da empresa constante no informe de rendimentos;
Faça a discriminação da ação, informando no nome da ação juntamente com a quantidade, o código de negociação, o custo médio de aquisição, e outros detalhes que considerar importante;
Informe as situações: ano de 2021 e 2022, conforme indica no informe de rendimentos.

Você precisa declarar todos os tipos de dividendos recebidos separadamente – Reprodução AdobeStock

Como fazer para informar os ativos da Bolsa de Valores no IR?

Entendendo que dividendos é o valor que as empresas distribuem aos acionistas, sob forma de repartir os lucros ou o ganho em ações. Apesar de ser obrigatório o informe na declaração do IR, estes são rendimentos isentos de tributação.

Para isso é necessário:

Na aba “Rendimentos Isentos e Não tributáveis”, clique sobre ela;
Selecione “Novo” para informar as informações de ações (não esqueça que cada tipo de ação deve ser declarado separadamente);
Selecione a aba “09 – Lucros e dividendos recebidos”, e informe o CNPJ da empresa pagante de dividendos, o nome da empresa, e o valor total que foi recebido durante o ano de referência.

Mas não esqueça: Você precisa declarar todos os tipos de dividendos recebidos separadamente.
É possível obter lucro ao investir qualquer quantia em dinheiro no mercado de ações ou em outros mercados financeiros.

Todo investimento carrega o potencial de lucro e a possibilidade de perda. No entanto, quase todos os investimentos compartilham o fato de estarem sujeitos à tributação. É assim que o governo regula o setor financeiro e arrecada receitas fiscais desses tipos de investimentos. A tributação da renda é, portanto, a principal ferramenta utilizada pelo governo.

O post Confira principais regras para declarar ativos da Bolsa de Valores no IR apareceu primeiro em Brasil123.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.