InícioInvestimentos5 criptomoedas que vão 'bombar' em agosto

5 criptomoedas que vão ‘bombar’ em agosto

Uma criptomoeda é um tipo de dinheiro – como outras moedas com as quais convivemos cotidianamente – com a diferença de ser totalmente digital. Além disso, ela não emitida por nenhum governo.

As criptomoedas podem ser usadas com as mesmas finalidades do dinheiro físico em si. As três principais funções são servir como meio de troca, facilitando as transações comerciais; reserva de valor, para a preservação do poder de compra no futuro; e ainda como unidade de conta, quando os produtos são precificados e o cálculo econômico é realizado em função dela.

5 melhores criptomoedas para investir em agosto

Abaixo listamos as 5 criptomoedas para começar a investir agora no mês de agosto:

Helium (HNT)

O Helium foi lançado em julho de 2019. A plataforma possibilita a comunicação entre dispositivos sem fio, que usam a rede HNT de hotspots para enviar dados entre si. O projeto está intimamente ligado e é compatível com dispositivos de Internet das Coisas (IoT).

HNT é o token nativo da rede. Ele possui um suprimento máximo de 223 milhões e é distribuído para proprietários de hotspots. Além disso, é obtido por meio da validação da cobertura sem fio e da transferência de dados usando esses mesmos pontos de acesso. Finalmente, os participantes podem comprar ou construir seus próprios pontos de acesso.

Para chegar ao suprimento máximo de 223 milhões, o HNT começou no último domingo (1) a sua programação de redução de emissão pela metade de dois anos.

Desde o início de abril, o HNT voltou a subir após atingir área de suporte de US$ 10,20 (ícones verdes). Os indicadores técnicos são neutros, com tendência de alta. A criptomoeda possui resistência em US$ 14,05.

Verge (XVG)

Verge é uma criptomoeda de privacidade que visa oferecer uma rede de pagamentos descentralizada, sendo uma atualização para a blockchain do BTC. Ela possui vários recursos relacionados à privacidade, incluindo, mas não se limitando a: a integração do Tor em sua carteira e a permissão de transações com endereços furtivos.

Assim como o HNT, a XVG também terá seu suprimento reduzido pela metade em agosto. O corte mais recente ocorreu em 26 de janeiro, quando as recompensas em bloco foram reduzidas de 200 para 100.

A próxima redução deve ocorrer em 22 de agosto, assim que o bloco 5.200.000 for extraído. Isso reduzirá as recompensas por bloco pela metade, para um total de 50 moedas.

Depois de atingir uma baixa de US$ 0,0159 em 20 de julho e criar um padrão de fundo duplo, a XVG conseguiu romper uma linha de tendência de baixa.

Atualmente, a criptomoeda está subindo em direção à área de resistência de US$ 0,033.

Ethereum (ETH)

A Ethereum foi lançado em 2015 como uma blockchain descentralizada de código aberto. Sua moeda nativa é a ETH.

Ela foi uma das plataformas originais que permitiu aos desenvolvedores criar aplicativos descentralizados (dApps). Até agora, a plataforma abriga pelo menos mil desses aplicativos.

A ETH está atualmente sendo negociada dentro de um canal paralelo de alta, tentando romper a resistência deste padrão gráfico. Caso isso aconteça, seu preço poderia subir para US$ 2.850. Os indicadores técnicos no período diário são de alta.

Aave (AAVE)

Aave é um protocolo descentralizado que permite aos seus usuários se tornarem depositantes ou devedores. Seu token nativo, AAVE, é usado principalmente para direitos de voto em melhorias do protocolo.

Os depositantes ganham renda ao fornecer liquidez, enquanto os tomadores podem obter empréstimos por meio de recursos como o empréstimo instantâneo.

O summit de contratos inteligentes do projeto irá acontecer entre os dias 5 e 7 de agosto. Espera-se que seja o maior evento de contratos inteligentes do ano. O CEO e fundador da Aave, Stani Kulechov será um dos principais palestrantes.

Na última sexta-feira(30), a AAVE rompeu uma linha de tendência de baixa, validando-a como suprote dois dias depois.

Atualmente, o ativo está tentando ultrapassar resistência de US$ 310. A mesma área tem funcionado como suporte ou resistência de preço desde o início de fevereiro.

MediBloc (MED)

MediBloc é um protocolo de código aberto que visa ser usado como um “sistema de informação de saúde descentralizado”. Por meio da tecnologia blockchain, ele tem como objetivo registrar e acompanhar o histórico médico de um paciente.

Seu token nativo, o MED, usa um sistema de recompensa para facilitar o compartilhamento de conteúdos.

Semelhante ao STACK, sua atualização na rede principal será lançada em agosto. Além de correções de bugs, ele atualizará os recursos de contratos inteligentes e a comunicação com outras blockchains.

O preço do MED está subindo 23 de junho, criando um fundo maior do que o anterior no dia 20 de julho. Atualmente, o ativo está tentando se estabelecer acima da área de resistência de US$ 0,055. Essa área atuou como suporte até 9 de junho, se transformando em resistência após essa data.

Os indicadores técnicos são de alta. Um rompimento deste nível de preço pode desencadear um movimento de alta até US$ 0,093.

Raquel Luciano
Raquel Luciano
Jornalista formada pela Universidade Nove de Julho com experiência na produção de matérias para portais de notícia nos estados do MS, BA, MG e SP. Atualmente é Redatora do Sua Finança.
Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS LIDOS