Connect with us

Sem categoria

O cartão de crédito é uma das principais causas de endividamento no país

Publicado

on

O endividamento entre os brasileiros vem crescendo a cada dia e o cartão de crédito é uma das principais causas. Apesar disso, com o avanço da tecnologia, o método de pagamento tem se tornado indispensável. Para o Serasa, é importante que os usuários de cartões de crédito façam uma análise da sua vida financeira com o objetivo de reorganizar os gastos. 

De acordo com a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (CNC), em maio de 2022 o endividamento atingiu 28,7% das famílias brasileiras. Nesse sentido, a pesquisa indica que a inadimplência atinge nível recorde em 12 anos, em meio à alta da inflação no país. 

Uma pesquisa do Serasa eCred indica que quase metade dos consumidores no Brasil (47%) possuem quatro cartões de crédito ou mais.  Dos cidadãos entrevistados que possuem cartão de crédito, 23% afirmaram ter três cartões, 21% possuem dois cartões e apenas 9% dos entrevistados utilizam apenas um cartão de crédito.

“A pesquisa mostra a relevância do cartão de crédito na vida econômica dos brasileiros, mas ao mesmo tempo acende o alerta sobre os riscos da inadimplência”, afirma a gerente do Serasa eCred,  Amanda Rapouzo.

publicidade

Para a gerente do Serasa eCred, a adesão de mais de um cartão pode significar que a população está solicitando mais cartões de crédito para quitar dívidas. A especialista orienta que os usuários de cartões façam uma análise da vida financeira para reorganizar os gastos mensais. 

Veja algumas dicas da Serasa para sair da inadimplência

A principal dica do Serasa é ter cuidado com o número de cartões de crédito. Apesar de não existir um limite ideal de cartões, é importante que os usuários fiquem atentos com os gastos nesses meios de pagamento. Outra dica é estar sempre atento às taxas cobradas pelas instituições como a anuidade. 

Também é ideal que os consumidores não esqueçam a data de vencimento da fatura. Desta forma, além de evitar que o nome fique negativado, o usuário não precisa se preocupar com os juros do cartão. 

Utilizar os benefícios governamentais como o saque extraordinário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para quitar dívidas também vem sendo recomendado por especialistas. Além do FGTS, também é indicado utilizar o 13º salário e abono salarial para deixar as contas em dia. 

Outra dica relevante é anotar os gastos para ter noção do próprio orçamento mensal. Apesar de ser uma dica básica, ela garante a organização dos indivíduos e evita problemas financeiros. Além de gastos essenciais, é importante manter uma reserva de emergência. 

publicidade

Como quitar as dívidas do cartão de crédito

Com a liberação do saque extraordinário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, muitos cidadãos devem utilizar o benefício para quitar dívidas do cartão de crédito. Desse modo, é indispensável que sejam feitas negociações com as instituições financeiras. Muitas vezes, os consumidores conseguem pagar dívidas antigas com descontos. 

Também é possível pagar dívidas no cartão de crédito utilizando serviços específicos como o Serasa Limpa Nome. Esse serviço da Serasa garante descontos que podem chegar a até 90%. Mais informações sobre o pagamento de dívidas com descontos podem ser obtidas no site da empresa. 

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.