Connect with us

Sem categoria

Moeda de R$1 pode valer até R$10 MIL. Veja como trocar

Publicado

on

Os colecionadores de moedas estão em busca de algumas versões do modelo de R$ 1. Segundo as informações, os chamados numismáticos podem comprar o item por até R$ 10 mil.

Dentre os modelos buscados, estão as moedas confeccionadas no período em que o Brasil sediou as Olimpíadas em 2016. O Banco Central emitiu milhares de moedas comemorativas.

No entanto, é importante informar que a primeira moeda foi criada ainda em 2012, que marca quando a bandeira foi entregue. No mais, ainda existem as moedas que simbolizam cada uma das 16 modalidades olímpicas ou paralímpicas.

Veja também: ‘Saque FGTS em processamento’: Saiba o que essa frase significa

publicidade

Confira a seguir modelos de moedas de R$ 1 que podem valer até R$ 10 mil

Como mencionado, os colecionadores estão de olho nas moedas de R$ 1 criadas pelo Banco Central para as Olimpíadas do Rio. No entanto, a mais rara é a que representa a entrega da bandeira, feita para homenagear a passagem das Olimpíadas de Londres em 2012.

Em suma, a regra é: quanto mais antiga for a moeda mais cara e rara ela é. Segundo os meios digitais, como site e blogs, desses colecionadores, as moedas confeccionadas para as Olimpíadas do Rio 2016 podem custar até R$ 7 mil.

No entanto, alguns numismáticos estão vendendo as moedas por valores inferiores. Isso porque, a moeda da entrega da bandeira possui 2 milhões de exemplares, já as demais, 20 milhões.

Além disso, é possível encontrar essas moedas na internet com valores variados de R$ 175 a R$ 300. As moedas de atletismo, mascotes Tom e Vinícius, natação e paratriatlo têm valores a partir de R$ 8.

Contudo, é importante informar que logo quando as moedas foram lançadas eram muito fáceis de ser encontras, porém, com o passar dos anos e uso elas ficaram cada vez mais raras.

publicidade

Veja também: Auxílio de R$ 1.200 com pagamentos confirmados em maio?

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.