InícioFinanças PessoaisDicasMEI: saiba mais sobre a microempresa

MEI: saiba mais sobre a microempresa

Pensa em empreender e se tornar o dono do seu próprio negócio? Neste caso você deve conhecer o MEI (Microempreendedor individual). Mas você sabe o que é exatamente essa forma de empresa? Ou quais são os benefícios que o MEI pode te trazer? Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto

O que é MEI e quais as condições?

MEI é uma forma de abrir sua própria empresa e assim legalizar sua atividade trabalhista quando você trabalha sozinho e por conta própria. Sendo assim, pessoas que montam seus próprios negócios podem estar dentro da lei e ter certo amparo com base no MEI. 

Ao mesmo tempo, também é possível prestar serviço para outras empresas e até mesmo ser contratado nesta modalidade empregatícia. 

Por isso, existem 4 condições para que alguém se cadastre como microempreendedor individual. A primeira delas é que seu faturamento anual não seja maior de R$ 81.000,00. 

A seguir, vem a condição de que o MEI não seja sócio ou dono de outras empresas. Também é permitido contratar apenas um funcionário nesta modalidade. Por fim, a última condição diz que o microempreendedor deve realizar uma das atividades presentes nesta lista.

Por que se tornar?

Com o MEI é possível ter o seu próprio CNPJ e com isso emitir nota fiscal, passando mais credibilidade em todos os serviços prestados por você. Esse fato te ajudará a organizar de forma mais efetiva a sua contabilidade com gastos e entradas. Além disso, será possível vender para clientes que só aceitam serviço prestado com nota fiscal.

Sendo um microempreendedor individual a taxa que você vai pagar em imposto de renda será fixa e vai depender da sua atividade. Por exemplo, para quem tem um comércio essa é de cerca de R$ 50,00. 

Essa é uma grande vantagem em comparação com empresas pequenas, estas pagam porcentagens do seu lucro ao imposto de renda. Vale lembrar que caso a sua MEI ultrapasse o lucro máximo anual de R$ 81.000,00 você terá de se converter a uma empresa simples.

MEI e aposentadoria

A taxa paga pelo MEI assegura alguns direitos trabalhistas para este empresário. Sendo assim, é possível ter acesso aos mesmos benefícios que uma pessoa com carteira assinada teria.

Aposentadoria por invalidez, afastamento e auxílio doença são algumas das vantagens disponibilizadas pelo MEI. Sendo assim, realizar esses pagamentos mensais é uma forma do microempreendedor se preparar para o seu futuro e dar mais segurança para si mesmo.  

Porém, vale lembrar que ao ser contratado como MEI por outra empresa você não terá direitos trabalhistas como férias, décimo terceiro ou rescisão. Isso porque as relações estão se dando entre duas empresas, não entre uma empresa e uma pessoa física. 

Ao mesmo tempo, deixar de trabalhar como pessoa física e passar a prestar serviço como MEI irá trazer um retorno maior ao seu salário. Uma vez que você irá pagar apenas as taxas para ser microempreendedor e não terá descontos do INSS como é feito com quem tem carteira de trabalho.

Leia Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS LIDOS