Gol aumenta parceria com American Airlines

Gol
[Imagem: Wikimedia Commons - reprodução]

Na manhã dessa quarta-feira (15), a Gol Linhas Aéreas deu um passo adiante na parceria de codeshare com a American Airlines.

O anúncio foi feito pela empresa através de um fato relevante.

O que é codeshare

A palavra em inglês, veiculada pela Gol e comum no setor aéreo, significa uma parceria entre empresas.

Isso porque algumas empresas fazem rotas diferentes de outras e essas parcerias permitem que os clientes voem para mais destinos com as mesmas empresas.

Assim, um cliente que deseje voar para os Estados Unidos, pode fazer sua escala em São Paulo com a Gol e, de lá, ir para diversos destinos à bordo da American Airlines.

Além disso, diversas rotas feitas pela companhia americana não são feitas pela Gol, principalmente voos domésticos nos Estados Unidos.

Com isso, a Gol aumentou o número de destinos finais, o que deve aumentar o número de clientes.

Uma parceria mais profunda

O novo acordo de codeshare da Gol supera o feito em fevereiro de 2020.

Agora, além de mais destinos finais na América do Norte e do Sul, a parceria será exclusiva.

Com isso, a Gol poderá fazer codeshare nesses territórios apenas com a American Airlines. O contrário também é válido.

Hoje, a Gol é a maior malha aérea do Brasil e o programa de compartilhamento de voo dá mais um passo no plano internacional da empresa.

Segundo a nota, “essa exclusividade, permite que o Acordo exceda os termos da parceria de codeshare existente entre a GOL e a American, aumentando as oportunidades de viagens aos seus passageiros, assim como melhorando a experiência do Cliente e a posição competitiva da GOL nas rotas que conectam as Américas do Sul e do Norte”.

Gol
[Imagem: shutterstock – reprodução]

Um aporte bilionário

Além da parceria, a Gol também recebeu um aporte bilionário através da compra de ações da companhia.

Estipulado no valor de US$200 milhões (cerca de R$1,053 bi), o acordo prevê a compra de 22,2 milhões de ações da Gol pela American Airlines, o que corresponde a 5,2% da companhia brasileira.

Além disso, o preço de cada ação ficou fixado em US$9,00 por ação, em torno de R$47,00 em cotações atuais.

Esse aporte vem acima do preço praticado no mercado financeiro, porém Richard Lark, vice-presidente financeiro da Gol, afirma que “o investimento representa o reconhecimento, por uma grande empresa aérea americana, do valor da Companhia como a maior aérea do Brasil e fornecedora do melhor produto”.

Por isso, o valor, que soma aos investimentos próprios da companhia, levantará o capital de longo prazo da companhia para valores acima de R$3,7 bilhões, que serão fundamentais na retomada das atividades, principalmente após a baixa durante a pandemia.

Ações em disparada

Com a notícia, o mercado financeiro acordou de olho na oscilação dos preços da companhia.

Às 10h45, as ações da companhia (GOLL4) subiam em torno de 5,45%, sendo uma das maiores valorizações do Ibovespa.

O índice, por sua vez, operava em queda de 0,48%, ainda com o pessimismo dos rumos políticos do Brasil.

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Pensar Cursos - mais de 1400 cursos gratuitos. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui