Connect with us

Investimentos

Fundos multimercado apresentam rendimentos baixos

Publicado

on

Os fundos multimercados, que são aqueles com maior diversificação entre ativos, apresentaram resgates recordes no ano de 2021. Dois dos fatores que afetaram isso foram o aumento da Selic e também o péssimo desempenho da bolsa até o mês passado. Isso faz com que investidores movimentem o portfólio, buscando os ativos mais seguros no atual cenário.

De janeiro a novembro desse ano, a mediana dos retornos desses fundos foi de 0,67%, bem abaixo do menor patamar da taxa Selic. Além disso, a parte de renda variável desses fundos também está sofrendo. Em 2020, a rentabilidade do mesmo período foi de 5,1%.

Cenário interno atrapalhou

No Brasil, a rápida escalada de preços afetou o rendimento dos fundos multimercados. Isso porque com a rápida subida da inflação, os investidores viram o Banco Central aumentar a Selic de forma agressiva. Com isso, é comum ver investidores migrando para os ativos de renda fixa, deixando de mirar nos fundos multimercado.

Dessa forma, os olhares ficaram para CDB, LCI, LCA e até o Tesouro Direto, que opera com taxas bem acima do início do ano. Contribui para isso a inversão da curva de juros, que deixa as taxas do curto prazo ainda maiores. Na última semana, o Banco Central aumentou a Selic para 9,25%, ficando no maior patamar em anos.

publicidade

Por outro lado, a agência Austin Rating avalia que o Ibovespa foi a segunda pior bolsa de valores do mundo em 2021, ficando na frente apenas da Venezuela. Vale sempre lembrar que, até agora, o Ibovespa perdeu 9,65% em 2021, enquanto o S&P 500 subiu 26,17% no mesmo período.

Contudo, o pior parece ter passado, apesar de o cenário ainda ser de muita cautela no mercado nacional. Ainda, as eleições no ano que vem darão mais volatilidade ao mercado, ao passo que o cenário da política monetária será fortemente monitorado pelos investidores. Atualmente, alguns analistas afirmam ser uma boa hora para entrar nos fundos multimercado.

Foto: Markus Spiske | Reprodução

É hora de comprar os fundos multimercado?

Os analistas começam a se posicionar em termos de buscar maior risco, mas sem perder as atuais oportunidades do mercado. Isso porque não é de se jogar fora um rendimento de 11%, aproximadamente, do Tesouro Prefixado. Por outro lado, a bolsa de valores barata permite que os rendimentos sejam ainda maiores no ano que vem.

Por isso, os fundos multimercados podem representar o investimento ideal agora. Eles diversificam em renda fixa e também em renda variável. Com isso, você consegue investir no melhor dos dois mundos, com valores iniciais baixos e por taxas igualmente satisfatórias. Para isso, é importante analisar os fundos de investimentos disponíveis na sua corretora.

Apesar disso, caso o investidor queira, ele mesmo pode começar a analisar diferentes estratégias de renda fixa e de renda variável, e investir como se ele mesmo montasse seu fundo multimercado. Contudo, fazer isso exige mais trabalho e estudo, o que muitas vezes não atende às suas vontades. Por isso, os fundos multimercado entregam o seu dinheiro a uma gestão profissional e especializada, o que pode dar resultados maiores no longo prazo.

 

publicidade

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.