Connect with us

Economia

Como escolher ações e fundos corretamente?

Publicado

on

Existe uma grande diferença em escolher ações e fundos. Existem diferenças específicas de cada ativo que fazem com que seja necessário realizar análise para escolher. Por isso que hoje, nós do Brasil 123, vamos indicar como escolher ações e fundos corretamente.

O que é investir em ações?

Investir em ações é optar pela compra ações de empresas que estão disponíveis no mercado. Normalmente quem investe em ações possui objetivos financeiros a longo prazo para alcançar. O investimento em ações normalmente é realizado por investidores experientes, que se utilizam da análise fundamentalista para escolher as ações mais acertadas para investimentos.

Para realizar a análise fundamentalista é preciso estudar a situação financeira e as perspectivas de uma empresa. A ideia é entender o negócio e a expectativa para seus resultados no médio e no longo prazo.

Quais são as vantagens e desvantagens em aplicar em ações?

A principal vantagem de aplicar em ações é a liberdade de escolha dos ativos, e mesmo depois de ter estruturado a sua carteira é possível reorganizar comprando e vendendo ações. Veja: é possível vender até R$20.000,00 de ações por mês e ter isenção do Imposto de Renda sobre a lucratividade.

publicidade

Mas, há uma desvantagem nesta atitude: as taxas de corretagem e de custódia incidem sobre a compra e venda. E muitas vezes elas se sobrepõem à lucratividade da operação.

O que são fundos de ações?

É a compra de cotas de participação nos fundos de ações, que funcionam sob a forma de condomínio, ou seja, há um gestor responsável pela compra e venda de ações, que fará de acordo com as determinações da assembleia de cotistas. Ao cotista investidor cabe comprar cotas do fundo. Ao gestor cabe administrar a compra e a venda das ações pelo melhor preço

Quais são as vantagens e desvantagens de aplicar em um fundo de ações?

A maior desvantagem em aplicar em fundos de ações é o pagamento da taxa de administração do fundo e a possibilidade de haver a taxa de performance, além de arcar com os custos de manutenção. Os fundos de ações precisam ter liquidez, pois em muitos casos, a liquidez não é tão rápida como nas operações com ações.

Entre as vantagens tem-se: um gestor profissional tomando as decisões, o que pode reduzir os riscos envolvidos; os investimentos em fundos tendem a ser diversificados, ou seja, aplicados em diversos ativos.

Investir em ações é optar pela compra ações de empresas que estão disponíveis no mercado – Reprodução AdobeStock

publicidade

Como escolher ações e fundos corretamente?

Para que a escolha ocorra de forma correta, é preciso:

Antes de tudo, considerar o seu perfil de investidor: o investimento em ações e fundos são perfeitos para investidores com perfil moderado ou arrojado.
Avaliar a incidência de taxas sobre a lucratividade
Perceba quais os ativos das ações e dos fundos que mais se adequam às suas necessidades e objetivos financeiros.

A escolha correta de ações e fundos é muito particular de cada investidor, uma vez que deve passar por um crivo de seleção de prioridades para investimentos.

Mas agora que você já sabe as vantagens e desvantagens de aplicar em ações e em fundos de ações, fica mais fácil decidir de forma mais acertada em quais ativos é possível realizar investimentos.

O post Como escolher ações e fundos corretamente? apareceu primeiro em Brasil123.

publicidade

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Generated by Feedzy