Connect with us

Sem categoria

CadÚnico: Sua inscrição pode ser cancelada; veja como evitar

Publicado

on

O Cadastro Único (CadÚnico) se trata de um banco de dados usado como porta de entrada para benefícios sociais do Governo Federal. Por meio do cadastro, o Ministério da Cidadania consegue selecionar as famílias mais vulneráveis do país para participar de programas de distribuição de renda, como é o caso do Auxílio Brasil.

No entanto, devido a sua importância, os dados informados ao Cadastro Único devem estar sempre atualizados. Segundo as determinações, é preciso que o registro seja renovado a cada dois anos. Assim, as famílias inscritas continuarão aptas a participarem dos programas sociais dos governos: federal, estadual e municipal.

Quem pode se inscrever no CadÚnico?

Podem se inscrever no CadÚnico:

Famílias com renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa;
Famílias com renda mensal total de até três salários mínimos também podem realizar a inscrição;
Famílias com renda maior que três salários mínimos, desde que o cadastramento esteja vinculado à inclusão em programas sociais nas três esferas do governo;
Pessoas que moram sozinhas – constituem as chamadas famílias unipessoais;
Pessoas que vivem em situação de rua — sozinhas ou com a famílias.

publicidade

Como me inscrever no CadÚnico?

O interessado deve comparecer em Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) para realizar a inscrição, exclusivamente de forma presencial, não sendo possível efetuar o cadastro de forma online.

Neste caso, o grupo familiar deve escolher um representante ou responsável da família para realizar a inscrição. Este deve ser maior de 16 anos de idade e ser preferencialmente do sexo feminino. Na ocasião, ele terá que apresentar o seu PF e Título de Eleitor, além de, ao menos, um dos seguintes documentos de cada membro do núcleo:

Certidão de Nascimento;
Certidão de Casamento;
CPF;
Carteira de Identidade (RG);
Certidão Administrativa de Nascimento do Indígena (RANI), em casos de famílias indígenas;
Carteira de Trabalho; ou
Título de Eleitor.

Como atualizar o CadÚnico?

A falta de atualização do cadastro pode causar o cancelamento do benefício. Isso porque, o Governo Federal realiza uma revisão anual nos dados informados pela família. Quando passa a ser atendida pelo programa social, a própria equipe técnica do projeto notifica a família para que renove as informações.

Além da regra que exige que os dados sejam atualizados a cada dois anos, caso a família mude alguma informação, como trocar de endereço, de telefone, de estado civil, renda mensal, nascimento, adoção ou falecimento de algum membro no núcleo familiar, deve ser atualizada em um Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

publicidade

Confira 6 situações que levam a exclusão no CadÚnico

Além da falta de atualização do registro, o cancelamento da inscrição também pode ocorrer devido a problemas no cadastro. Neste caso, as famílias devem ficar atentas as seguintes situações:

Informações inverídicas concedidas ao sistema;
Omissão de informações junto ao Cadúnico;
Falecimento de integrantes da família;
Quando a família se nega a apresentar informações;
Exclusão por meio de decisão judicial;
Não localização da família por período igual ou superior a 48 meses, contados da inclusão ou da última atualização, quando a gestão tenha registros de que procurou a família pelo menos duas vezes no período.

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Generated by Feedzy