Connect with us

Economia

VALORES A RECEBER: BC fala sobre retorno da 2ª fase de consultas

Publicado

on

O Banco Central (BC) fez atualizações nesta semana sobre o retorno da consulta ao dinheiro “esquecido” em bancos e instituições financeiras. A saber, a segunda fase de consultas ainda não tem data marcada, mas isso poderá acontecer em pouco tempo, já que os servidores do BC encerraram a greve, que acontecia desde abril.

De acordo com a instituição financeira, “as consultas ao Sistema de Valores a Receber (SVR) estão temporariamente suspensas para aprimoramento“. O BC revelou que divulgará em breve a data de retorno das consultas e resgate dos saldos existentes, bem como informações sobre valores de falecidos.

Ainda segundo o BC, os servidores estão “trabalhando em melhorias do SVR e na inclusão de novos valores”. Por isso, aos brasileiros que estão ansiosos, o que resta é esperar pela volta das consultas e resgates aos valores deixados nos bancos.

AUXÍLIO BRASIL de R$ 600 em 2023 é possível?

publicidade

Saiba mais sobre o SVR

Em resumo, a instituição financeira encerrou a primeira fase de consultas em 16 de abril, ou seja, há mais de três meses. E o retorno das consultas deveria acontecer em 2 de maio para as pessoas que perderam o prazo, mas isso não se concretizou.

Na verdade, os cidadãos interessados em saber se haviam esquecido dinheiro em bancos faziam consultas pelo Sistema Valores a Receber. Contudo, a greve dos servidores do BC atrasou a implementação da ferramenta, impedindo as pessoas de acessá-la para saber se possuem algum “dinheiro esquecido” em instituições financeiras.

Segundo o BC, havia cerca de R$ 8 bilhões em valores esquecidos para os brasileiros. Aliás, na primeira fase de consultas dos valores, R$ 4 bilhões ficaram disponíveis para devolução.

Veja abaixo de onde vem esse “dinheiro esquecido”:

Contas-correntes ou poupança encerradas, mas que ainda tinham saldo disponível;
Valores cobrados indevidamente de tarifas, parcelas ou operações de crédito;
Cotas de capital e rateio de sobras líquidas em cooperativas de crédito;
Valores relacionados a consórcios encerrados que não foram sacados.

publicidade

Valores superam R$ 100 mil para alguns brasileiros

Quando o BC anunciou a data das primeiras consultas, muita gente correu para fazer a conta no gov.br, única maneira de acessar o dinheiro “esquecido”. No entanto, o sentimento de frustração dominou o cenário no país, pois muitos brasileiros relataram ter ganhado apenas centavos.

Contudo, o BC revelou que há cerca de 37 mil cidadãos que possuem valores entre R$ 10 mil e R$ 100 mil em bancos ou instituições financeiras. Aliás, o saldo de outras 1,3 mil pessoas supera os R$ 100 mil, uma verdadeira fortuna.

Então, caso você ainda não tenha consultado o valor que terá direito, fique ligado no retorno das consultas para não correr o risco de ficar sem receber o dinheiro. Seja como for, o BC recomenda que os brasileiros recuperem os valores deixados em bancos, mesmo que seja uma quantia pequena.

Leia também: Auxílio caminhoneiro deverá ser usado para pagar o combustível?

O post VALORES A RECEBER: BC fala sobre retorno da 2ª fase de consultas apareceu primeiro em Brasil123.

publicidade

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Generated by Feedzy