Connect with us

Sem categoria

Receita Federal terá menos burocracia na solicitação de serviços

Publicado

on

A Receita Federal passou a permitir que os contribuintes que precisarem solicitar algum serviço ou prestar um esclarecimento junto a autarquia, podem apresentar uma cópia simples ou a digitalização dos documentos exigidos.

A regra foi implementada recentemente, por tempo indeterminado. Antes, a Receita obrigava a apresentação de documentos originais ou cópias autenticadas para solicitar serviços ou prestar esclarecimentos.

Como mencionado, agora, o contribuinte pode conceder apenas cópia simples em uma unidade presencial ou enviar um documento digitalizado. No entanto, é importante lembrar que as vias originais podem ser solicitadas a qualquer momento pela Receita.

A Instrução Normativa RFB nº 2.088, foi publicada na última segunda-feira, dia 20, pela Receita alinhada com as diretrizes do Governo Federal, que tem como objetivo aproximar a população aos órgãos públicos, facilitando o acesso aos serviços.

publicidade

Caixa Tem libera dinheiro extra para os trabalhadores em junho; veja como receber

Quais são os serviços prestados pela Receita Federal?

Auditorias Fiscais;
Cidadão (CPF/CAEPF);
Certidões e Atestados;
Comunicações Eletrônicas;
Declarações e Escriturações;
Defesas e Recursos;
Interpretação da Legislação;
Isenções e Regimes especiais;
Processos Digitais;
Procurações Digitais;
Regularização de Impostos;
Restituições e Compensações.

Saiba como consultar pendências do seu CPF na Receita Federal

As pessoas físicas e jurídicas podem consultar na Receita Federal se possuem pendências fiscais. A consulta deve ser realizada através do site oficial da Receita – e-CAC.

Os cidadãos devem consultar com o CPF e as empresas com o CNPJ. Caso tenha algum débito indicado, é possível emitir a DARF para o pagamento.

Auxílio permanente de R$ 1.200 com liberação ainda em 2022

publicidade

Como consultar pendências no CPF?

Previamente, será necessário o código de acesso do e-CAC. Para gerá-lo, basta acessar o site e clicar em “Saiba como gerar código de acesso”. Para pessoas físicas, será necessário informar o CPF e data de nascimento, já as jurídicas, devem informar o CNPJ, CPF e data de nascimento do responsável pela empresa.

Além disso, será preciso apresentar os números dos recibos de entrega de Declarações do Imposto de Renda dos últimos dois anos. Já com o código de acesso em mãos, faça o login usando somente o CPF ou CNPJ. Aqueles que ainda não possuem cadastro, devem se cadastrar com o número de algum documento de identificação e outros dados solicitados.

Para verificar se possui alguma pendência em seu nome, siga o passo a passo abaixo:

Já na plataforma, acesse a aba “Certidões” e em seguida busque por “Situação Fiscal”;
Na sequência, gere um relatório com as informações cadastrais e verifique tudo o que consta nesse informativo;
Vá até o setor de débitos e pendências para saber o que está errado com seu CPF ou CNPJ;
Procure saber através das instruções de regularização como resolver pendências na Receita Federal e como parcelar suas dívidas;
Descubra quais programas do Fisco você precisa baixar para se adequar às exigências. Faça o download de todos eles;
Feito isto, emita o seu Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF);
Pague o documento através do internet banking, em casa lotérica ou no caixa eletrônico.

Contudo, é importante enfatizar que esse é o método mais fácil para resolver pendências junto à Receita Federal. Todavia, é necessário estar atento, uma vez que após o procedimento o seu CPF ou CNPJ permaneça “pendente de regularização”.

publicidade

Auxílio Brasil: beneficiários com NIS final 3 recebem hoje

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.