Connect with us

Economia

Porque investir em fundos imobiliários? Veja 5 motivos para começar hoje

Publicado

on

Porque investir em fundos imobiliários? O empreendimento do ramo de imóveis já é visto como uma prática comum entre a população brasileira. Provavelmente, o motivo desse comportamento é histórico, pois há algumas décadas ocorreu uma alta da inflação que resultou em um aumento considerável dos valores das propriedades. Sendo assim, confira mais aqui no Brasil 123.

Investimento em fundos imobiliários

fundos imobiliários como forma de investimento, 5 motivos para começar – reprodução unsplash

Atualmente, investir em fundos imobiliários continua sendo benéfico e o seu crescimento sucede em torno de 10% ao mês. Entretanto, apesar da cultura de investimento, o número de aplicações financeiras ainda é baixo quando comparado a outros setores do mercado. Mas isso não significa que seja um mau negócio.

Com isso, existem algumas vantagens que tornam esse segmento uma opção interessante. Portanto, selecionamos 5 motivos para você começar a empreender hoje mesmo e dar um passo importante e seguro para a sua vida financeira.

publicidade

Menor volatilidade

O funcionamento da aplicação de capital do ramo faz parte do mercado de renda variável, no qual o valor da cota mensal sofre algumas oscilações. Porém, em comparação a outros modelos de faturamento volátil, investir em fundos imobiliários apresenta a vantagem de manter uma estabilidade maior em relação ao seu capital de retorno.

Um paralelo excelente para exemplificar esse caráter é a contraposição com o mercado de ações, que evidencia um potencial de risco muito maior quando falamos de volatilidade.

Acompanhamento da inflação

O ponto principal desse benefício é o reajustamento do valor a ser faturado sobre as alterações inflacionárias do país. Assim, não existe perigo do seu imóvel ser empobrecido com o passar dos anos.

Desse modo, a referência utilizada é o IGP-M ou o próprio IPCA, que fundamenta a correção anual do preço dos aluguéis e mantém o poder de compra do investimento realizado inicialmente.

Maior liquidez em comparação com imóveis físicos

Investir em fundos imobiliários permite uma maior facilidade de transformação do ativo em dinheiro vivo e vice-versa, de modo a acelerar o processo de negociação de compra e venda. Ainda, quando há necessidade de um capital específico, o empreendedor pode se desfazer de cotas desse ativo para suprir suas próprias demandas financeiras.

publicidade

Os imóveis físicos costumam demorar meses para serem comerciados e, além disso, não possibilita o fracionamento do investimento.

Isenção do Imposto de Renda

A isenção fiscal sobre os dividendos recebidos é um privilégio que norteia esse tipo de negócio, o que o torna um modelo mais econômico quando comparado, por exemplo, ao mercado de ações.

Porém, essa dispensa só é autorizada quando a pessoa física atende três critérios específicos: o fundo deve conter, no mínimo, 50 cotistas; as cotas devem ter suas transações realizadas em bolsa ou em mercado de balcão organizado; cada cotista deverá ter um limite máximo de 10% das cotas totais do fundo.

Facilidade de diversificação

Outra vantagem em investir em fundos imobiliários é a possibilidade de realizar aplicações financeiras em diferentes setores. Os dois segmentos mais proveitosos são os fundos de tijolos, que abrange galpões logísticos e lajes corporativas, e os fundos de recebíveis, que funciona por meio de títulos de crédito do mercado.

Além dos citados, há os fundos de fundos, que são investimentos exclusivos em outros fundos imobiliários.

publicidade

O post Porque investir em fundos imobiliários? Veja 5 motivos para começar hoje apareceu primeiro em Brasil123.

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.