Connect with us

Loterias

Mega-Sena; conheça a história do idoso que levou golpe de ex-sócio

Publicado

on

Você conhece a história de um idoso enganado e perdeu completamente o prêmio da loteria? Portanto, é bom ficar por dentro para saber e evitar cair em possíveis golpes, como ele próprio caiu.

Conheça a história de Fredolino José Pereira

Então, imagine um cenário no qual você ganha 10 milhões de reais. Porém, em algum momento você sofre um golpe tão trágico que fez você perder quase toda essa quantia integralmente?

Pois, parece algo muito utópico, não acha? Algo que não aconteceria com você, porque já é uma pessoa precavida. Sendo assim, já imagina possíveis golpes futuros. Mas, na verdade, saiba que qualquer um está propício a cair em golpes surpreendentes de pessoas que gostam de passar a perna nas outras.

Portanto, essa história aconteceu com um idoso de 71 anos, chamado Fredolino José Pereira, que ganhou 10 milhões de reais na loteria. Acabou que, apesar de ele ser uma pessoa precavida das coisas, não conseguiu evitar de cair na falácia de alguém e, consequentemente, no golpe.

publicidade

Segundo as investigações da polícia, foi constatado que a pessoa que o enganou e praticou esse golpe foi o seu sócio. Na ocasião, o deixou apenas com 2 centavos na conta bancária, depois de ganhar o prêmio milionário.

Dessa maneira, esse é mais um motivo pelo qual você não deve confiar em ninguém. Isso inclui até mesmo os seus melhores amigos ou parentes próximos para quando você ganhar na loteria. Logo, se possível, esconda o seu bilhete e o receba o prêmio de forma anônima.

Afinal de contas, os golpes nem sempre são aplicados por pessoas desconhecidas. Na verdade, acontece por pessoas da própria família ou até mesmo do círculo de amizade mais próximo.

Por isso, se deve pensar que a confiança das pessoas é muito importante. Porém, não se deve ultrapassar certos níveis com algumas. Apesar da amizade ou do grau de parentesco ser de um vínculo muito forte, nem sempre você deve confiar nas pessoas quando o assunto é dinheiro.

Mega-Sena; conheça a história do idoso de 71 anos enganado pelo ex-sócio. Foto: Canva Pro

publicidade

A verdadeira história do dinheiro do idoso de 71 anos

A história de Fredolino começa bem simples, como um humilde catador de latinha. Pois, foi com o dinheiro de seu trabalho árduo que ele conseguiu comprar o bilhete de apostas. Com isso, acabou levando o prêmio milionário.

Então, com a sua conta bancária cheia, ele resolveu abrir uma funerária com o seu até então sócio. Contudo, o esquema já estava planejado há muito tempo. Pois, logo no início da parceria, o sujeito começou a aplicar os golpes no idoso de 71 anos.

Segundo o delegado que apura o caso, o sujeito que aplicou o golpe em Fredolino pegava seus cartões, com a justificativa de dizer que estava pagando os funcionários do negócio. Porém, nunca mais eram devolvidos. Portanto, lidar com muito dinheiro era uma novidade para esse idoso ele nem se atentou de início.

Cadê o dinheiro que estava aqui?

De repente, o idoso começou a perceber que os seus cartões não estavam mais com ele. Além disso, o dinheiro em sua conta bancária estava sumindo sem ele ao menos gastar.

Como deixava tudo para o seu sócio, obviamente, o primeiro passo foi questioná-lo. No entanto, como o parceiro de empresa alegou que não sabia de nada, o idoso preferiu levar o caso para a polícia.

publicidade

Claramente, os policiais já suspeitavam de seu ex-sócio. A suspeita se intensificou, pois, o idoso de 71 anos era um alvo fácil para ele aplicar o golpe. Então, justamente pela idade, assim como, seu pouco conhecimento sobre finanças, seria muito mais simples roubar o dinheiro. Consequentemente, ele não contava de Fredolino ir até a polícia, denunciá-lo.

Pois, ao ver que a conta bancária possuía apenas 2 centavos, claramente gerou uma grande revolta pela confiança ferida. Com isso, seu Fredolino estava pobre novamente.

A investigação do caso do idoso

Além do próprio ex-sócio do ganhador da loteria, mais 4 pessoas estão sob investigação pela aquisição de uma frota de 10 veículos e na compra de um sítio.

A polícia estima que houve uma formação de quadrilha especialmente para a aplicação desse golpe. Então, os ladrões teriam as suas vidas luxuosas assim que sugassem todo o dinheiro do idoso. Um homem de 38 anos foi preso por porte ilegal de armas. Enquanto isso, seu Fredolino busca recuperar o dinheiro perdido na Justiça.

publicidade
publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.