Connect with us

Sem categoria

INSS: valor da sua aposentadoria pode ser multiplicado; veja como

Publicado

on

O Supremo Tribunal Federal (STF) julgou neste ano a ação que solicitava a liberação da ”Revisão da Vida Toda” para beneficiários do INSS. Os ministros deram um parecer favorável e agora será possível adicionar ao cálculo da aposentadoria as maiores contribuições antes de julho de 1994.

Sendo assim, os segurados benefícios do INSS poderão recalcular os valores com base, também, nas contribuições anteriores a julho de 1994. A Reforma da Previdência de 1999, impediu que os cálculos dos benefícios considerassem as contribuições ao INSS anteriores ao Plano Real, ou seja, na data em questão.

Veja também: FGTS de até R$1 mil já pode ser sacado por 5 grupos de trabalhadores

O que prevê a nova regra?

Em síntese, a Lei 9876/99 estabeleceu que as aposentadorias seriam calculadas com a média dos 80% maiores salários de contribuição, considerados apenas a partir de julho de 1994. Porém, agora o STF decidiu que o segurado tem direito de incluir períodos anteriores a 1994 para pedir a revisão dos valores.

publicidade

Quem poderá pedir a revisão do INSS?

Antes de mais nada, a revisão poderá ser solicitada por quem se aposentou segundo as regras instituídas a partir da Reforma da Previdência de 1999, que considerada os 80% dos maiores salários desde julho de 1994. Ou seja, quem:

Possui benefício previdenciário calculado pelas regras anteriores à EC 103/2019;
Possui contribuições anteriores a julho de 1994;
Teve o benefício concedido a menos de 10 anos.

De todo modo, será necessário realizar o cálculo detalhado para verificar se realmente vale a pena solicitar a revisão e incluir as contribuições anteriores a julho de 1994. Isso porque, caso as contribuições sejam menores, o segurado pode ter o valor da aposentadoria reduzido.

Sendo assim, a certificação de que as contribuições realmente são superiores é muito importante antes de solicitar a revisão. Em suma, ela só é vantajosa para aqueles que contribuíram com valores maiores antes de julho de 1994.

Veja também: INSS: Definido novo valor das aposentadorias para 2023, 2024 e 2025

publicidade

Quais benefícios permitirão a revisão?

Aposentadoria por tempo de contribuição, idade, especial, pessoa com deficiência;
Aposentadoria por invalidez;
Pensão por morte;
Auxílio-doença.

INSS se prepara para pagar 2ª parcela do 13º salário

O 13º salário é pago costumeiramente no fim de ano. Todavia, o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) antecipou os pagamentos do abono extra para o primeiro semestre deste ano.

Os pagamentos da primeira parcela do 13º salário seguiram até a última sexta-feira (6). Agora, há uma expectativa para recebimento da segunda parcela do benefício.

Veja: Saque duplo de quase R$4 mil do FGTS tem pagamentos confirmados

Conforme informações do INSS, o pagamento do abono extra é feito para aposentados, pensionistas e demais beneficiários da autarquia.

publicidade

Por fim, é importante destacar que tanto os segurados que recebem apenas um salário mínimo quanto aqueles que ganham uma mensalidade superior estão recebendo os valores do salário extra.

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.