Connect with us

Sem categoria

INSS paga novo benefício de R$ 1.212 NESTA semana; veja como receber

Publicado

on

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) realiza, nesta semana, o pagamento do benefício mensal aos mais de 36 milhões de segurados. As liberações acontecerão para os aposentados e pensionistas a partir da próxima sexta, 24.

As liberações que iniciam nesta semana é referente a folha de pagamentos do mês de junho. A princípio, de acordo com o calendário oficial, os primeiros a receberem os valores serão os segurados que ganham um salário mínimo, que atualmente é de R$ 1.212.

Por outro lado, os beneficiários que recebem mais de um salário mínimo atual, terão acesso ao benefício de julho somente daqui a aproximadamente 10 dias, uma vez que o pagamento vai começar no dia 1º de julho.

Novo RG Digital será obrigatório para todos os brasileiros; veja como trocar

publicidade

Calendário de pagamentos do INSS do mês de junho

Antes de mais nada, é importante confirmar que os repasses do benefício seguem o dígito final do Número de Inscrição Social (NIS).

Atualmente, dos mais de 36 milhões de segurados que recebem benefícios pagos pelo INSS, 60% deles, ou seja, 24 milhões de pessoas ganham o valor de um salário mínimo, R$ 1.212.

Logo, não deixe de conferir: Whatsapp: Novo golpe oferece vaga de emprego; veja como não cair

Confira as datas de pagamento a seguir:

Para quem ganha um salário mínimo (R$ 1.212)

NIS final 1: 24 de junho;
NIS final 2: 27 de junho;
NIS final 3: 28 de junho;
NIS final 4: 29 de junho;
NIS final 5: 30 de junho;
NIS final 6: 1º de julho;
NIS final 7: 4 de julho;
NIS final 8: 5 de julho;
NIS final 9: 6 de julho;
NIS final 0: 7 de julho.

publicidade

Para quem ganha acima de um salário

NIS final 1 e 6: 1º de julho;
NIS final 2 e 7: 4 de julho;
NIS final 3 e 8: 5 de julho;
NIS final 4 e 9: 6 de julho;
NIS final 5 e 0: 7 de julho.

Portanto, veja:

Novo empréstimo da Caixa de R$1 mil e R$3 mil pelo aplicativo é liberado

Como consultar os pagamentos do INSS?

De qualquer modo, a consulta ao extrato de pagamentos do INSS pode ser feita 100% online, através do site ou aplicativo de celular. Confira como fazer!

Pelo site:

publicidade

Primeiramente, acesse o site Meu INSS;
Entre com seu CPF e senha (caso seja o primeiro acesso será preciso criar uma senha);
Clique na opção “Serviços”;
A opção fica no menu superior direito – Selecione a opção “Extratos/certidões/declarações”;
No próximo menu, clique em “Extrato de pagamento de benefício”;
Na tela seguinte, clique no calendário – ajuste o período que deseja retirar o extrato do pagamento do seu benefício;
Em conclusão, a relação com os pagamentos recebidos no período será exibida e será possível baixar na opção “Baixar PDF”.

Pelo aplicativo de celular

Em primeiro lugar, baixe o aplicativo no seu celular Android ou iOS;
Entre com seu CPF e senha (caso seja o primeiro acesso será preciso criar uma senha);
Toque no menu principal, os três pontos ou barras no alto da tela;
Ademais, selecione “Extrato de pagamento de benefício”; Toque no calendário e selecione o período que deseja consultar;
A tela exibirá o extrato com os pagamentos recebidos no período escolhido;
Por fim, para imprimir ou salvar, clique na opção “Baixar PDF”

Em resumo, o acesso a plataforma do Meu INSS, tanto para o site quanto pelo aplicativo, é feito por meio da conta gov.br.

A plataforma Meu INSS oferece diversos serviços, como:

Pedido e acompanhamento de aposentadorias, benefício assistencial e pensão por morte
Pedido e acompanhamento do salário maternidade urbano
Acesso ao CNIS (Extrato Previdenciário)
Acesso ao extrato de empréstimo consignado
Acesso ao extrato de imposto de renda
Acesso à carta de concessão do benefício
Agendamento e resultado de perícia médica
Consulta à revisão do benefício
Pedido de recurso de benefício por incapacidade
Pedido de cessação de benefício por óbito
Cadastro ou renovação de representante legal
Atualização de dados cadastrais do beneficiário
Solicitação de exclusão de empréstimo consignado
Cadastro de pensão alimentícia
Cálculo de contribuição em atraso, emissão e ou cálculo de GPS
Atualização de dados cadastrais

publicidade

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.