Connect with us

Economia

Inflação deu mais deu dinheiro para investidores em um ano

Publicado

on

Quem começou a investir recentemente na bolsa de valores pode ficar intrigado com uma informação bastante relevante. Desde o dia 13 de maio de 2021, o ativo que mais rendeu no Brasil não foram os índices de renda variável. Nos últimos 12 meses, os títulos que mais renderam foram os ligados à inflação.

Esses títulos renderam acima de títulos seguros do mercado, como o Tesouro Selic. Além disso, a bolsa de valores passa longe de ter um rendimento atrativo. Para os brasileiros, até mesmo o Bitcoin deixou a desejar em um ano. Por isso, analistas falam sobre os rendimentos passados dos ativos, mas reiteram que a rentabilidade do passado não quer dizer que o cenário se repetirá no futuro.

Inflação deu mais dinheiro ao investidor.

Desde maio do ano passado, a inflação vem ganhando força no país. Isso acontece por conta dos efeitos da pandemia e, mais recentemente, com a escala de tensões no leste europeu. Com isso, os ativos ligados ao IPCA vêm ganhando os olhares do mercado, como o Tesouro IPCA+ e também CDBs, LCIs e LCAs ligadas ao índice inflacionário.

Isso porque, nos últimos 12 meses, o IPCA ficou em 11,94%. O índice contrasta com os 7,94% do CDI, 5,94% da poupança e e surpreendentes -12,44% do principal índice de ações do Brasil, o Ibovespa. Além disso, vale lembrar que os títulos de inflação sempre têm um adicional na rentabilidade. Por isso, se em maio do ano passado um investidor comprou um título que pagasse o IPCA mais uma taxa de 4% ao ano, hoje ele tem um rendimento acumulado de 15,94%. Esse papel, por exemplo, teria rendido acima de todos os outros investimentos do Brasil.

publicidade

Diante dessa forte rentabilidade da inflação, analistas discutem o cenário até o final de 2022. Até agora, os especialistas acreditam que a inflação deve continuar e, por isso, ainda pode ser uma boa hora para investir nesses papéis.

Foto: Reprodução

Como investir nesses ativos?

Para investir na inflação você não precisa ser nenhum milionário. Muito pelo contrário, é possível começar com menos de R$100,00. Contudo, é preciso que o investidor tenha paciência para ver os rendimentos caírem na conta. Além disso, existem diversas opções para quem tem um pouco mais de dinheiro para investir.

A forma mais barata de investir em ativos da inflação é pelo Tesouro IPCA+. O valor mínimo de investimento é de R$32,00, aproximadamente. Para isso, basta ter uma conta em uma corretora de valores e solicitar a compra do ativo na sua plataforma. Após isso, você deve esperar o vencimento do título para receber o valor investido mais os rendimentos da inflação. Vale lembrar que o Tesouro Direto varia o preço para cima e para baixo todos os dias, mas no final do prazo o investidor sempre ganha.

Por outro lado, o investidor pode escolher CDBs, LCIs e LCAs atreladas ao IPCA. Nesses casos, os valores mínimos são maiores. Normalmente o depósito mínimo é de R$1.000. Contudo, as taxas são maiores, por conta do maior risco. Apesar disso, o funcionamento é o mesmo: o investidor precisa esperar o vencimento para receber o dinheiro na conta.

publicidade

O post Inflação deu mais deu dinheiro para investidores em um ano apareceu primeiro em Brasil123.

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.