Connect with us

Direitos do Trabalhador

Governo Federal prepara novo auxílio para os caminhoneiros

Publicado

on

Mais um auxílio pode ser liberado pelo Governo Federal a qualquer momento. Segundo informações da emissora de TV CNN Brasil, o Ministério da Economia deu sinal verde para a aprovação de um novo programa social que atenda especificamente os caminhoneiros que estão precisando de ajuda para pagar o combustível.

O Governo ainda não definiu o valor dos pagamentos do novo programa. Em discussões internas, membros do Ministério da Economia dizem que há um limite orçamentário de R$ 400 por mês por pessoa, assim como acontece com o Auxílio Brasil, que paga o mesmo saldo para o pouco mais de 18,1 milhões de usuários.

No caso específico do novo voucher para os caminhoneiros, ainda não há uma estimativa de quantidade de usuários. De qualquer forma, membros da chamada “ala política” do Governo Federal apontam que é preciso pagar o novo benefício para uma grande quantidade de trabalhadores para evitar problemas.

Quais seriam os problemas? De acordo com informações da CNN Brasil, o Governo avalia pagar o voucher para os caminheiros em uma tentativa de evitar que a insatisfação com o preço do diesel cresça. Há o temor de que a revolta acabe se tornando uma greve nacional da categoria, o que poderia, na visão do Planalto, prejudicar ainda mais a situação da economia do país.

publicidade

Seja como for, o Governo ainda não tem uma estimativa de início de pagamentos e também não divulgou detalhes sobre o processo de inscrição no programa. Membros do Ministério da Economia apontam que o texto ainda precisaria passar pelo crivo dos parlamentares tanto no Senado como na Câmara dos Deputados.

Sinal verde para auxílio-gasolina

Ainda de acordo com informações da CNN Brasil, o Ministério da Economia também teria dado sinal verde para a aprovação do auxílio-gasolina. O projeto já passou pelo crivo do Senado Federal e agora aguarda a análise da Câmara.

Existia uma dúvida em relação ao posicionamento do Governo sobre o projeto. Mas a nova indicação de sinal verde abre espaço para que os parlamentares aprovem o texto sem maiores problemas na Câmara dos Deputados.

O auxílio-gasolina prevê pagamentos para cidadãos que precisam de meios de transportes próprios para trabalhar. Entram na lista, os taxistas, os motoristas de aplicativos como o Uber, e também os mototaxistas.

Decisões do Governo

O Governo Federal não mudará os valores do Auxílio Brasil. Segundo as informações de bastidores, a avaliação interna é de que o Palácio do Planalto acredita que não há mais espaço no orçamento para aplicar os aumentos.

publicidade

Segue valendo a ideia de que os repasses serão feitos em um montante mínimo de R$ 400 por pessoa. Nem mesmo os resultados das últimas pesquisas presidenciais, que pressionaram o Planalto, mudaram a lógica.

Nesta semana, um levantamento divulgado pelo Instituto Datafolha mostrou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem mais de 30 pontos de vantagem sobre o atual presidente Jair Bolsonaro (PL) entre os usuários do Auxílio Brasil. Os números ligaram um alerta dentro do Palácio do Planalto.

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.