Connect with us

Economia

Gasolina sobe pela quarta semana seguida. E agora?

Publicado

on

O preço da gasolina não para de subir em todo o Brasil. Segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço médio no país está em R$7,295, a quarta alta consecutiva. Dentro dos preços encontrados, a agência afirma que em alguns postos o preço do litro chegou a R$8,999.

Com esses dados, o Brasil alcançou um novo recorde no preço dos combustíveis. A notícia vem um dia após a Petrobrás relatar um lucro de R$44,5 bilhões, o que desagradou o presidente Jair Bolsonaro, que criticou a empresa. A alta dessa semana foi de 0,16%.

A gasolina está em patamares recordes

O preço dos combustíveis vem assustando os consumidores há algum tempo. No ano passado, a gasolina foi responsável por 49% da inflação. Em 2022, ela também vem dando as caras, sendo o principal fator de aumento de preços na economia brasileira. Em 12 meses, a inflação já ultrapassa os 12%.

E para piorar, na última semana, o preço do petróleo no mercado internacional subiu 5,27%. A cotação nessa sexta-feira, 6, fechou em US$112.,21 o preço do barril. Com a commodity nas alturas, os custos das empresas aumenta, o que é repassado ao consumidor. Consequência disso, é o aumento dos preços nos postos, conforme divulgou a ANP nessa sexta-feira, 6. O preço médio da gasolina no país ficou em R$7,295, uma alta de 0,16% em relação à semana passada. E o preço máximo encontrado pela agência foi de R$8,999 por litro, o que é um dado assustador, segundo economistas.

publicidade

E diante dessa situação, a Petrobrás anunciou um lucro recorde, fechando o primeiro trimestre de 2022 com lucro de R$44,5 bilhões, uma alta de mais e 3.700% em relação ao mesmo período do ano passado, quando lucrou R$1,16 bi. O resultado desagradou o presidente, que chamou de “estupro” o lucro que a estatal obteve com suas operações. Vale lembrar que a União é a principal acionista da petroleira.

Foto: Reprodução

O que fazer agora?

Com a alta dos combustíveis, é preciso ter algumas estratégias para fugir da alta dos preços. Contudo, é impossível fugir completamente dela. Isso porque a gasolina cara gera o chamado “efeito dominó”. Isso quer dizer que quando ela aumenta, outros produtos aumentam também. A explicação é que a gasolina representa custos para diversas empresas, principalmente no setor de frete.

Por isso, é hora de usar a criatividade e repensar a forma como você vive. Já pensou em parcelar uma bicicleta e ir com ela para o trabalho? Se for possível para você, é uma boa ideia. Para quem não pode usar esse meio, optar pelo compartilhamento de veículos com colegas de trabalho pode ajudar nos custos, dividindo a gasolina entre até 5 pessoas.

Por outro lado, o transporte público pode ser outra forma de economizar. Isso porque essas empresas ainda não reajustaram o preço das passagens por diversos fatores. Por isso, você pode usar esse momento para economizar na sua locomoção.

publicidade

Além dessas, existem outras diversas maneiras de fugir da alta da gasolina. Existem formas de se locomover com produtos elétricos, como patinetes e scooters. O que importa é ser criativo e, claro, econômico.

O post Gasolina sobe pela quarta semana seguida. E agora? apareceu primeiro em Brasil123.

publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.