Connect with us

Direitos do Trabalhador

Consulte pela internet o novo saque de até R$1.000

Publicado

on

O Governo Federal começou a liberar um novo saque extraordinário para os trabalhadores que tem saldo disponível em suas contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Normalmente, os valores do FGTS somente são liberados aos trabalhadores em situações específicas previstas em lei, como no caso da demissão sem justa causa, compra da primeira casa própria, aposentadoria, entre outros.

Você vai gostar de ver:

Usuários já podem reagir a mensagens no WhatsApp; confira a novidade

publicidade

Auxílio Emergencial retroativo: Veja como consultar se tem direito

Consulta ao saldo do FGTS pela internet

Pelo aplicativo:

Baixe ou atualize o aplicativo do FGTS caso já tenha;
Abra o app e clique em “Entrar no aplicativo” e clique em “Continuar”;
Informe seu CPF, vá em “Não sou um robô” e, depois, em “Próximo”;
É possível que o sistema solicite a identificação de imagens, selecione-as e vá em “Verificar”;
Na sequência, informe a senha e clique em “Entrar”;
Aparecerá uma mensagem com informações sobre o saque extraordinário do FGTS, clique em “Entendi”;
Na tela inicial, vá em “Saque Extraordinário”;
Em seguida, aparecerá quanto estará disponível para o saque;
Clique em “Ver contas FGTS liberadas”, caso queira saber de quais contas o dinheiro será debitado;
Para liberar o dinheiro, basta voltar à tela anterior e tocar em “Solicitar saque”;
Para finalizar, clique em “Confirmar”.

Pelo site:

publicidade

Acesse o site www.fgts.caixa.gov.br;
Na página inicial, vá em “Saque Extraordinário do FGTS” e clique em “Consulte aqui”;
Informe o seu CPF ou o número do PIS;
Clique em “Não sou um robô” e vá em “Continuar”;
Caso o sistema solicite a identificação de imagens, identifique-as e vá em “Verificar”;
Insira a sua senha e clique em “Continuar”;
Feito isto, o sistema informará se você terá direito ao saque do FGTS e como ocorrerá o procedimento.

Calendário do novo saque do FGTS

Como mencionado, os pagamentos começaram no dia 20 de abril.

O cronograma segue o mês de nascimento de cada trabalhador. Confira:

Nascidos em janeiro – 20 de abril (quarta);
Nascidos em fevereiro – 30 de abril (sábado);
Nascidos em março – 4 de maio (quarta);
Nascidos em abril – 11 de maio (quarta);
Nascidos em maio – 14 de maio (sábado);
Nascidos em junho – 18 de maio (quarta);
Nascidos em julho – 21 de maio (sábado);
Nascidos em agosto – 25 de maio (quarta);
Nascidos em setembro – 28 de maio (sábado);
Nascidos em outubro – 1 de junho (quarta);
Nascidos em novembro – 8 de junho (quarta);
Nascidos em dezembro – 15 de junho (quarta).

publicidade
publicidade
Clique e Deixe seu Comentário

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.