Saiba como funciona o empréstimo com garantia de bens imóveis

Se você esta precisando de um dinheiro extra, seja para comprar o carro dos sonhos, realizar uma viagem ou para fazer uma reforma na sua casa, as instituições financeiras oferecem aos seus clientes a possibilidade de realizar o empréstimo com garantia de bens, e talvez esse seja o ideal para você!

Nessa modalidade de crédito o cliente coloca um imóvel como garantia do pagamento da dívida, podendo ser uma casa, um comércio ou um apartamento, conforme aquilo que você possa oferecer.

Para que você entenda melhor como funciona a modalidade de empréstimo com garantia de imóvel, vamos falar mais sobre ele para que você fique por dentro de todos os detalhes e não tenha dúvidas na hora de escolher a melhor opção pra você!

Como funciona?

Antes de contratar qualquer forma de crédito é importante que você avalie como anda a sua vida financeira e quais são as opções disponibilizadas por cada instituição, assim você poderá escolher qual a melhor opção de crédito e aquele que mais se encaixa no seu bolso, até porque, em caso de não quitação da dívida o seu bem poderá ser tomado pelo banco.

O empréstimo com garantia de imóvel, assim como toda forma de crédito com garantia, o bem ficará alienado pelo banco, e caso o pagamento da dívida não seja efetuado ele será usado como quitação do débito em aberto, ou seja, será tomado pela instituição contratada.

O bem usado como garantia pode ser tanto um imóvel comercial como residencial, e pelo fato da instituição possuir garantia do recebimento da dívida, as taxas de juros aplicadas sobre o valor do empréstimo são bem menores quando comparadas com outras formas de crédito.

Diferente do que acontece com o empréstimo onde se utiliza um veículo como garantia, no caso de utilizar um imóvel, ele poderá ser vendido caso você queira, mas terá que passar por todo um processo diferente de uma venda comum.

É importante que o comprador do imóvel saiba que parte do valor pago será utilizado para quitar a dívida em aberto, e após o pagamento da parte que for determinada pelo banco ele fará a liberação da alienação do bem, processo que pode demorar cerca de 30 dias para ser concluído.

Como contratar?

Para contratar um empréstimo com garantia de imóvel alguns critérios são determinados pelas instituições, e todo um processo burocrático deve ser seguido, para que o banco tenha toda a garantia do recebimento da dívida que será feita. 

Para te ajudar na hora de fazer a contratação do empréstimo com garantia de imóveis, vamos te informar alguns passos para você seguir:

  • Faça uma simulação e compare todas as alternativas de empréstimos que são disponibilizados pelas instituições financeiras;
  • Depois que você escolher qual a melhor instituição financeira para contratar o seu empréstimo, o banco fará uma verificação e análise da sua renda, para saber se você realmente tem condições para realizar o pagamento do débito que será aberto;
  • A análise também será realizada no seu imóvel, que passará por todo um processo jurídico e físico;
  • Após a análise que será realizada os contratos e registros deverão ser conferidos por você, e posteriormente assinados para que ocorra a contratação do crédito;
  • Assim o empréstimo será liberado e você poderá pegar o dinheiro, com garantia do seu imóvel.

Comprovação de renda: é necessário mesmo quando coloca o imóvel como garantia?

A maioria das pessoas pensam que colocando o imóvel como garantia do empréstimo não é necessário que a renda seja comprovada. Mas não é o que realmente acontece, até porque o banco tem todo um gasto com o processo para pegar um imóvel como garantia do recebimento da dívida, e eles preferem não arriscar na hora de aprovar o crédito.

Quando pensamos nessa modalidade de crédito, é importante que você saiba que são empréstimos com valores mais elevados, até porque você dará um imóvel como garantia do pagamento da dívida. O prazo para realizar o pagamento da dívida é mais longo e nenhum dos dois, nem a instituição e nem o cliente, querem utilizar o bem como forma de pagamento, por isso é importante que o processo seja burocrático, para não gerar problemas para ambos posteriormente.

Cuidados que você deve tomar antes de contratar um empréstimo

BC Propõe Uso de Imóvel Como Garantia Para Mais de Um Empréstimo ...

É importante que você saiba que caso a quitação da dívida não ocorra, o banco poderá tomar o seu bem e leiloá-lo para conseguir o dinheiro referente ao crédito que foi emprestado.

Caso seja necessário que você solicite um novo empréstimo, e precise de colocar algum bem como garantia, você não poderá usar o mesmo que já está alienado pelo banco no empréstimo já realizado.

A avaliação do seu imóvel será realizada por uma empresa especializada e terceirizada, e ela definirá qual será o valor do bem, lembrando que eles colocam um valor inferior ao que ele realmente vale, e o limite de crédito não poderá ser liberado de uma quantia maior que 60% do valor correspondente ao do imóvel.